Higiene íntima

Quase todo mundo sabe a importância dos cuidados com a higiene íntima, mas você realmente sabe como fazer? Aqui vão algumas dicas básicas pra você evitar uma série de problemas. Confira:

  • Use sabonetes específicos: É o seguinte moçada, nossa região íntima tem um PH (entre 5 e 6) que precisa ser mantido para ficar livre de fungos e bactérias. Se você usar sabonete para o corpo, ele não vai conseguir manter o PH natural daquela região. O que facilita a proliferação dos indesejados. Opte por sabonetes líquidos com PH ácido e que fazem pouca espuma, pois limpam a pele de modo suave sem remover a camada protetora. É importante que o sabonete não seja antisséptico.
  • Evite calças justas todos os dias: Calças justas deixam a região muito abafada e provoca irritações e corrimentos. Se você passa o dia inteiro com esse tipo de peça ou calça jeans, ginecologistas recomendam dormir sem calcinha.
  • Lenços íntimos umedecidos: O papel higiênico é áspero, arranham e deixam resíduos na região. Substitua-o por lenços umedecidos hipoalergênicos, sem álcool e perfume 😉 Eles são completamente indispensáveis principalmente naqueles dias. Utilize a cada troca de absorvente.
  • Mas como é mesmo? A higiene deve ser feita apenas na região da vulva. Nada de colocar sabonete dentro da vagina, hein colega! A vagina possui menor acúmulo de gordura e por isso não precisa de uma limpeza tão intensa. Nada de usar cotonetes, esponjas ou outros apetrechos para a limpeza. Use apenas os dedos!
  • Naqueles dias: Além de utilizar os lenços durante a menstruação, é importante a troca constante do absorvente. Para as mulheres que têm o fluxo intenso, recomenda-se a troca de uma em uma hora.
  • Limpeza excessiva: A falta de limpeza adequada pode trazer complicações para a mulher assim como o excesso de limpeza. Os ginecologistas recomendam que seja feita 3 vezes ao dia e no máximo 3 minutos, caso contrário, pode haver ressecamentos e traumatismo na região.
  • O que pode acontecer? As três infecções genitais mais comuns causadas pela falta de higiene são a tricomoníase, a garnderella e a candidíase. Os sintomas são facilmente percebidos. Geralmente há corrimento intenso e de cor amarelada ou esverdeada, odor desagradável, coceira e, muitas vezes, sujeiras e manchas brancas, semelhantes à nata de leite, nas paredes da vulva.

Espero que tenham gostado das dicas. Beijos ;*

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s